Dos 127,7 mil que entraram no Brasil no último ano, 68,9 mil já deixaram o País

Entre 2015 e junho de 2018, mais de 56 mil venezuelanos em situação irregular no Brasil procuraram a Polícia Federal para obter documentos legais. Os dados são do Comitê Federal de Assistência Emergencial e foram divulgados nesta terça-feira (17).

Durante o período, 35,5 mil imigrantes do país vizinho fizeram pedidos de refúgio. Além disso, 11,1 mil solicitaram residência e mais 10,1 mil agendaram atendimento com a PF – desses, 5,9 mil não retornaram para serem atendidos.

O comitê informou ainda que, entre 2017 e 2018, entraram pela fronteira de Pacaraima (RR) 127,7 mil venezuelanos. Desse total, 68,9 mil saíram do Brasil: 47,8 mil por via terrestre e 21,1 mil em voos internacionais.

Moradia brasileira

Dos que permaneceram em terras brasileiras, cerca de 4 mil estão em abrigos de Roraima. Já há nove locais para alojar esse público e está prevista a inauguração de outro na próxima semana, com capacidade para aproximadamente 500 pessoas.

Outros 690 venezuelanos foram voluntariamente levados a São Paulo, Manaus, Cuiabá, Rio de Janeiro, Igarassu (PE) e Conde (PB). Outras viagens estão programadas para a próxima semana.

Fonte:  Casa Civil